4 Dicas Para Manter a Sua Presença Online

A Internet abre-lhe as portas para o mundo e o mundo está pronto para o receber de braços abertos. Qualquer negócio, entidade ou outra forma de prestar serviços tem à sua disposição a maior fonte de anúncios do planeta Terra, e não encontrará em mais nenhum local um sítio onde possa chegar a tanta gente em tão pouco tempo e de uma maneira tão intuitiva. O seu website faz parte do seu negócio, aliás o seu website deixou de ser um complemento para o seu negócio, passou a ser a cara da sua marca, o local onde se reúnem os seus clientes, os seus potenciais clientes ou simplesmente pessoas que foram lá parar e que agora ficaram a saber que você existe.

Criar uma presença online não é fácil, necessita de recursos, de tempo e de imaginação. Mas mais complicado que criar uma presença online é manter a mesma, ou seja, fazer com que os seus visitantes não se esqueçam de si e continuem a ter todo o gosto em visitá-lo. Como tal, sugiro-lhe quatro dicas que a ajudarão a manter-se no centro dos acontecimento, que o ajudarão a que os outros não se esqueçam de si e se as ler bem nem são tão difíceis de realizar.

1. Mantenha o seu website simples

A simplicidade é a melhor forma de proporcionar ao seu público uma boa navegação ao mesmo tempo que este fica com uma ideia positiva associada à sua marca. Muitas vezes a maior dificuldade não se encontra em criar uma presença online mas sim manter a presença online. O que se encontra com alguma frequência, em situações cuja presença online já foi conseguida, é um aumento gradual das ferramentas ou serviços fornecidos pela entidade detentora do negócio. Nem sempre isto é positivo, muitas vezes porque os serviços que apresentam são criados da pior forma.

O exemplo dado por Jeff Haden não podia ser melhor para lhe explicar a importância da simplicidade: “Muitos restaurantes, por exemplo, fazem upload em PDF do seu menu. É um processo fácil para o restaurante mas uma dor para os visitantes. O mesmo é verdade para qualquer conteúdo que exija a execução de uma aplicação, especialmente nos dispositivos móveis”.

O exemplo de Jeff Haden é claro e facilmente se conclui que é preferível manter a simplicidade a incluir ferramentas e serviços que vão manchar a imagem positiva da sua marca.

2. Actualize o seu conteúdo

Não se esqueça de manter o seu público actualizado. Mesmo que a força do seu negócio não seja online (o que hoje em dia se torna pouco provável, já que através da Internet consegue chegar a todos e a todo o lado), se mantém uma fonte de informação na Internet que está associada à sua marca (um website), não deve negligenciar a importância que essa ponte de ligação entre o seu negócio e o seu público. Como tal, mantenha a sua presença online actualizada, com conteúdos actualizados sobre os seus serviços. Esta actualização não só poderá ser-lhe favorável porque poderá aumentar as suas vendas, como também irá demonstrar aos seus clientes que se importa com eles.

Essencialmente, não deixe que aquele que é o seu público de hoje se esqueça de si.

3. Adapte a sua plataforma para dispositivos móveis

Essencial. O mercado dos tablets e dos smartphones rebentou e quase que cresce de forma exponencial, portanto é essencial criar uma interface que se adapte a estes dispositivos. No caso de manter um blog, o fornecedor do serviço permite-lhe adaptar de forma automática os seus conteúdos a dispositivos móveis. Se não se preocupar em construir uma versão do seu website direccionada para este tipo de dispositivos, especialmente para smartphones, correrá o risco de deixar para trás o seu público actual. As navegações de “websites standard” em dispositivos móveis não são as melhores, uma vez que o tamanho das suas páginas serão apresentadas como se se tratasse de um computador, ou seja, todo o seu conteúdo terá um tamanho minúsculo.

Como actualmente muita gente aproveita o seu tempo livre nos transportes públicos, almoços, lanches, etc. para realizar navegação não profissional, a probabilidade de o tentarem fazer num dispositivo móvel é bastante elevada. Portanto, implemente uma versão simplificada do seu website, crie um script de redireccionamento que irá redireccionar automaticamente todo o tráfego gerado pelos dispositivos móveis para a versão móvel do seu website.

4. Crie algum tipo de ligação entre o seu site e as redes sociais

Devo dizer, sem qualquer problema, que uma enorme quantidade de pessoas passa mais tempo com um tab do seu browser aberto no Facebook, Twitter, etc. do que a soma dos tempos dos outros websites todos. É importante ter qualquer tipo de presença nas redes sociais: uma página no Facebook, botões de share no seu website, botões de like, etc.

Ao adicionar estas features, faça-o de maneira despercebida que os seus visitantes descobrem-no com facilidade. Além de não perturbar nem ocupar grande espaço da sua interface, é uma excelente maneira de se mostrar ao mundo…ou de os outros darem-lhe a conhecer ao mundo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: